#NossoFutebol008 #Fé005 Ganhar vidas: essa é a minha chamada – Parte 2

Ganhar vidas: essa é a minha chamada – Parte 2

Seria possível imaginar o preparo de um belo prato sem a utilização do sal? É palpável a possibilidade de um prato não ter seu sabor alterado com uma boa quantidade de sal utilizado? Se Deus nos colocou nessa Terra como sal, impossível pensarmos que o mundo não será impactado por uma boa quantia da nossa poderosa influência.

Deus, em seu pensamento Eterno, sabia da necessidade de temperar as gerações. Sempre assimilou a permanente vigilância em manter a Terra com sabor agradável. Havia a necessidade, portanto, de deixar um tempero poderoso, algo que não pudesse passar despercebido. E assim, Deus nos descreve:

 “Vós sois o sal da Terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar?(…)”. Mateus 5:13a

O sal necessita influenciar onde ele for colocado. E existe uma grande multidão que ainda está insossa, necessitando de um tempero que faça a diferença e gere um impacto poderoso. Cientificamente, a falta de sal também é responsável por uma série de complicações, tais como o hipotireoidismo, bócio e até mesmo problemas na gravidez.

Verdade é que o sal só tem utilidade quando exerce a sua natureza, e os salvos devem permanecer firmes em ser sal para esta Terra, pois o próprio Deus não vê utilidade naquele sal que perdeu a razão de ser: exercer impacto.

“Bom é o sal; mas, se o sal degenerar, com que se há de salgar? Nem presta para a terra, nem para o monturo; lançam-no fora. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça”. Lucas 14:34-35

Essa geração insossa está ao nosso redor. São os necessitados de Deus, os perdidos de quaisquer esperanças. Enquanto o cotidiano distrai as pessoas com uma série de entretenimentos, observamos a quantidade de pessoas que se afogam nas disfunções da mente, tais como a depressão e uma série de outros transtornos. Temos realmente nos importado com essas pessoas?

Jesus, o bom Pastor, ama o perdido, se importa com ele e se alegra quando encontra suas ovelhas. É necessário pagar um preço alto para encontrar as ovelhinhas e cuidar de cada uma delas. O Senhor pagou um alto preço por cada vida que hoje se encontra em dor e abandono quando entregou o Seu Filho. O sangue do Cordeiro não foi derramado em vão: Ele encontrou a você e a mim para amarmos os perdidos e sermos luz neste mundo.

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *